Cabelo curto, porque sim!


Cortar ou não cortar o cabelo? Essa foi uma pergunta que me fiz durante meses e mais meses. Acredite! Faz algum tempo que eu precisava mudar em algo, eu não estava mais gostando da minha imagem. Algo precisava mudar! Foi aí, que percebi que o meu cabelo era o que estava mais me incomodando, era bem grande, e todas as vezes que eu lavava eu tinha que secar, era uma obrigação. Foi aí que eu percebi que eu estava precisando desapegar! Enrolei demais, até que tomei vergonha na cara e cortei. Foi bem difícil tomar essa decisão. Meu maior medo era não ter como fazer penteado nenhum, ou que ele ficasse ''rebelde''.

No primeiro dia que se corta, a mudança é radical, eu adorei. Nos outros dias foi um tanto quanto difícil, acredite que a pior parte para mim até agora está sendo tirar foto, sim, é isso mesmo! Não consigo posicionar meu cabelo em nenhum ângulo legal, rs. Mas, quando se corta o cabelo e você sabe que é com isso que você vai ter que conviver, até ele crescer novamente, você vai se adaptando.


O lado positivo do cabelo curto, com toda a certeza do mundo é a praticidade. Antes, com o cabelo grande, eu demorava cerca de 40 minutos para secar ele totalmente, agora, com 10/15 minutos meu cabelo está totalmente seco. Claro que tem a vantagem de economizar bastante em shampoo e condicionador, rs


Resumindo, estou amando essa nova fase de cabelo curto, já que fazia uns 3 anos que eu não cortava pra valer o meu cabelo, tirava as pontas com dó. Hoje em dia me sinto mais leve, não perco tanto tempo com o cabelo. Se você sente vontade de cortar, corte. Todo mundo precisa de mudanças na vida, e só para ressaltar, pare de ter dó do cabelo, porque cabelo crescer, tá?

Separei alguns penteados para nós, garotas de cabelo curto, e para você, talvez uma futura garota de cabelo curto :D Espero que gostem









Beijocas

Bem vindo Julho ♥



''Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado.'' 

                                                                                                                  Roberto Shinyashiki






Beijocas ♥





Carta para você.




Oi, tudo bem? Mais quanto tempo! E põe tempo nisso... Um ano. Um ano sem nos vermos, nos falarmos, um ano sem noticias suas. 
Escrevo para dizer que estou bem, também escrevo para dizer, que me lembro de você; querendo ou não, nem todos os dias, mais de vez em quando. Logo eu que não esqueço de ninguém que passa pela minha vida, porque esqueceria logo você, logo de você que ontem era tudo, hoje já não é mais nada além de uma lembrança empoeirada na estante das minhas memórias?
Cara, até hoje pessoas me perguntam "porque terminaram?", me passa um milhão de coisas na minha cabeça, todos meus erros, deslizes, todas as vezes que eu te machuquei, mas também me lembro o tanto que fui machucada por você, da mesma forma que cortei, fui cortada e muito cortada.
Na verdade eu te amei até deixar de amar, eu me perdoei, te perdoei, e até ai, deixei de amar...
Eu pensei que escrevendo para você, o resultado seria uma explosão de magoas, raiva e um ódio mortal por sua pessoa, mas dessa vez, dessa vez não foi! Ao que me parece, quando parei de nutrir coisas ruins sobre você, tudo isso foi embora. Não te desejo bem, não te desejo o mal, não te desejo nada, assim como eu sei que você também não me deseja nada.
Não colocarei a palavra perdão nessa carta, porque acho que é algo que você não merece, me desculpe, mas não.... Antes de colocarmos um fim em tudo, eu te disse várias vezes isso da forma mais sincera que um ser humano poderia dizer, e você simplismente fez que não viu, então EU me perdoei. Mas olha, só queria que soubesse que eu estou bem, estou me alimentando bem, já que isso foi a ultima pergunta que me fez  e a propósito, eu cresci. Tanto dentro como fora, também encontrei alguém que me faz mais feliz, sim, mais feliz do que você já fez, afinal, no fim de tudo, você me fez uma pessoa infeliz, mais graças a você, eu aprendi a ser mulher de verdade, quanto a isso, obrigado.
Só queria que soubesse que hoje eu sou muito feliz, sem você ou até mesmo sem a pessoa que está ao meu lado, pois aprendi a ser feliz antes de mais nada comigo mesma. Não penso mais em você quando ouço Charlie Brown, quando assisto desenhos idiotas, quando vou a lugares que íamos juntos, na verdade não me lembro nem da tua fisionomia, tudo o que você quebrou dentro de mim, alguém reconstituiu. 
As pessoas estão certas quando dizem que a vida é sobre seguir em frente, e é isso o que venho fazendo, a cada dia você se encontra mais distante, é como se eu não te conhecece mais, desde a ultima vez que segurei tua mão, mais suas mudanças - para pior, claro, não me importam.
Enfim, fique bem...
 Beijos.

Seu ex super ex, quem sabe.. "amor".

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...