A mulher que está ao seu lado, é o sonho de outros.


Mulheres gostam de verdades. Mas não acreditarão fielmente de que seu celular estava sem bateria, de que seus amigos gostam dela ou de que sua ex-namorada não significa mais nada para você. Mulheres gostam de maquiagens sutis e cabelos bem lisos. Mulheres têm olhos angelicais e diabólicos. Ambos funcionarão com você. Ambos te levarão ao céu ou ao inferno. Mulheres são péssimas motoristas. Mas são ótimas condutoras.
Mulheres que não bebem são boas. Já as que bebem são ótimas. Mulher anda como quem desfila. Como quem grita por aí tua tendência a ser miss quarteirão de todos os anos. Melhor do que perfume caro é cheiro de banho tomado. E, também, o cheiro da pele suada que empresta sua essência às camisolas mais leves. Melhor do que vestidos da moda são as nossas blusas sociais sortudas. Aquelas que por algum motivo foram esquecidas na segunda gaveta e agora faz parte do cabide principal feminino.
Melhor do que cabelos alisados é rabo de cavalo ou fios inteiramente despenteados. Mulher deve dormir encolhida e acordar quase me expulsando da cama. Mulheres que xingam são mais atraentes. Mas não xingue como um ser depravado. Mulher tem que ter pudor para saber como não tê-lo nas horas certas. Mulher não precisa saber cozinhar. Mas cabem algumas tentativas frustradas.
As bonitas que me desculpem, mas lindas são as mulheres inteligentes. Mulher tem que ser interessante. Mas nunca interesseira. Imperfeições são sempre bem-vindas. Uns centímetros a mais na cintura. Uns dedos dos pés assimétricos. Um nariz fino demais para teu gosto. E uma bunda pequena demais para os padrões brasileiros. Mulher tem que ter peito. E seios também. Mulher tem que se fantasiar de homem turrão, vez em quando. Mas nunca se esquecer de lacrimejar num filme bobo – mesmo que seja assistido pela décima oitava vez. Mulher tem que saber falar “Eu te amo” e “Eu quero transar”.
Mulheres gostam de perfumes, ciúmes e gargalhadas. Mas odeiam cócegas. Cócegas a deixam vulneráveis. Mulheres gostam de toque, de voz ao pé do ouvido e de carinhos no lóbulo da orelha. Se uma mulher gosta de você, você estará lindo com tua camisa mais cara ou com tua jaqueta mais brega. Mulheres são mães e filhas. Mas nunca a trate como você se fosse seu pai. Mulheres gostam de igualdade.
Mulheres são inocentes com aqueles pseudo-amigos que – no fundo, no fundo – querem roubar seus beijos. Não discuta. Nem tente ensiná-la a maldade que passeia pela cabeça de alguns meninos. Apenas aceite que a mulher que te acompanha é o sonho de consumo de vários outros por aí – nunca se esqueça disso. Essa é a lição mais importante que você tem que aprender.
Autor: Hugo Rodrigues

Falando com os garotos: Você namoraria alguém com um passado "negro"?




Uma pergunta bem difícil tanto para as meninas como para os meninos. Exatamente! Foi mais complicado para as meninas responderem do que para os meninos, e se engana o ser humano que acha que as meninas não se importam se o menino tem um passado galinha, ou um passado completamente errado, nós também investigamos isso, e nos importamos muitos em saber se o cara que está ao nosso lado já foi uma pessoa boa, ou ruim.
Antes de mais nada gostaria de deixar uma coisa bem clara: independentemente se a pessoa que você ama teve um passado arrasador, isso não importa, pelo menos não mais, afinal quem não teve passado nunca vai poder te dar um futuro. Porém é importante analisarmos esse fato: "Ela teve um passado de bebidas, festas e homens", mas será que ela mudou? Porque se a pessoa ainda não mudou e continua em uma vida totalmente errada fica complicado, ainda mais para nossos queridos homens.
Os homens se importam MUITO com o que já passou na vida de uma mulher, se ela já ficou com algum amigo e coisas do tipo, ele realmente tem que amar muito a garota se ela já pegou uns 7 amigos dele para ele querer namorar. Os homens são completamente ligados a isso, apesar de que homem de verdade, racional, ele até liga, mas ele sabe que se a garota mudou, há uma chance, ainda mais quando a mudança foi radical.

Bate papo masculino I :
Daniel: Nossa, aquela menina é muito linda e legal, falei com ela esses dias, tão educada!
Rafael: Ishi aquela ali ein, já fiquei! Eu, o Pedro, Fernando, Álison, Ricardo e o Antônio. Sem falar que ela vive em festa, já entra bêbada e sai caindo e quando sai. Sai fora dessa brother!
Daniel: Pode crer man haha.

Bate papo masculino II :
Daniel: Nossa, aquela menina é muito linda e legal, falei com ela esses dias, tão educada!
Rafael:Áh ela é mesmo. Bom pelo o que eu saiba dela, e pelo o que eu conheça também, ela já foi bem diferente de atualmente, nossa, aquela ali mudou pra caramba, nem eu reconheço mais. Está outra mulher, vale a pena investir.
Daniel: Claro!
  
Notamos que, ele se interessou mais quando reparou que a pessoa interessada mudou de alguma forma, meninos reparam e gostam disso.
Podemos ver a diferença daquelas que mudam, e as que continuam as mesmas. Meninos até preferem aquelas que as pessoas conseguem enchergar as mudanças do que aquela que não faz diferença, e eles reparam nisso demais.

 Pesquisa: Você namoraria alguém com um passado "negro"?
Meninos 55%- Sim, o mais importante é quem ela é agora, o que ela foi, já passou, ainda mais quando é nítido a mudança que ela teve.
35%- Não! De forma nenhuma! Se 3 amigos meus já pegaram, eu nem ficaria muito menos namoraria, poderia até conhecer, mais seria difícil.
10%- Pensaria no caso. Eu conheceria primeiro e se tivesse comentários positivos sobre ela, eu poderia pensar!

Meninas- 61%- Sim. Com certeza. Ainda mais se nós formos o motivo da mudança. As meninas gostam de saberem que mudaram um cara galinha.
22%- Não! Se eles já foram muito bagunceiros e já ficaram com muitas amigas, eu não ficaria, nem namoraria.
17% - Pensaria no caso. Poderia ficar, conhecer e ver se mudou mesmo.

As pessoas não estão a procura de outras pessoas certinhas, elas querem mudanças. O mais importante não é quem ele ou ela foi, mais o que ele (a) fez para mudar e quem ele (a) é hoje. Não devemos ligar para isso e se possível nem ir pesquisar o passado de quem está ao nosso lado, o que passou passou, o que importa é o agora.


Falando para o namorado: MEU BEM, ESTOU DE OLHO!



Nós, mulheres… As amáveis criaturas que vão jogar seu nome no Google.
E que, num piscar de olhos, vão descobrir o nome da sua mãe, o emprego do seu pai, com quem sua irmã está saindo e em quais vestibulares você passou.
E, sim, nós já sabemos o nome do seu cachorro por causa de um comentário da sua tia numa foto que seu primo postou no facebook, daquela festa de natal de 2009 na sua casa.
E lembra daquele vídeo da sua viagem de formatura do colegial que está esquecido no youtube? Nós já vimos. Umas 4 vezes, por sinal. (a terceira e a quarta visualizações foram para descobrir se aquela menina que aparece ao seu lado aos 56 segundos é a mesma que curtiu um post seu da semana passada).
Também sabemos que a camisa que você estava usando na noite em que te conhecemos é a sua favorita, uma vez que você aparece com ela numa foto do réveillon desse ano, num show do Seu Jorge e no aniversário daquele seu amigo de infância que tá meio careca (no vídeo da formatura ele ainda tinha cabelo).
E a sua ex… Ah, a sua ex. Uma querida, ela. Descobrimos, em uma fração de segundos, se ela usa unhas postiças, se ainda gosta de você, se tem bolsas cafonas, se já fez plástica e se só tira fotos da cintura pra cima (quem nunca?). Mas não se preocupe, ela também já puxou nossa ficha. Sabe nosso tipo sanguíneo, antecedentes criminais, tom de base e se está na hora de retocarmos nossos reflexos.
Mulheres dominam a gestão estratégica das curtidas no facebook. Tem horário certo, nada de curtir 1 minuto depois da postagem. E elas devem ser espaçadas e bem distribuídas, não pode sair distribuindo joinha que nem uma louca.
Já os comentários em fotos, que são atos bastante delicados, precisam ser previamente aprovados por uma comissão de 7 amigas num grupo de whatsapp (que, por sinal, neste momento tem 243 novas mensagens, dentre as quais fotos de jogadores de futebol seminus, gravações de áudio que não se deve ouvir em público e algumas- só algumas- críticas às fotos dazinimiga no instagram)
Por falar em whatsapp, algo muito parecido acontece com certas respostas que damos no chat com você. Dependendo da gravidade do assunto, a comissão é ampliada para 11 ou 14 amigas, podendo até haver uma assembleia extraordinária regada a cerveja numa 3ªf à noite para discutir a construção ideal do texto de resposta, incluindo análise sintática e minuciosa atenção às expressões empregadas (“esses dias” é absolutamente diferente de “um dia desses”, assim como “a gente se fala” é quase o oposto de “até mais tarde”).
Importante frisar que também sabemos que se você visualizou o whatsapp às 4:41 da manhã, aí tem. Ou balada, ou mulher. (não trabalhamos com a hipótese de que tenha sido um mero xixi de madrugada)
Temos também um total e detalhado controle sobre o significado emocional existente por trás da dinâmica “online/ digitando…/ digitando…/ online/ digitando…”.
Ah, e print screen de tela do whatsapp para as amigas darem uma olhadinha é algo mais normal e corriqueiro do que saia curta em armário de piriguete, tá? Se a conversa for muito importante, rola tipo uma metralhadora de prints- pá pá pá pá pá pá pá pá- uns 8 na sequência. Se o sinal do wi-fi não for bom até dá uma congestionada nas paradas.
Aceite, amigo, mulheres vão saber tudo isso muito antes de você imaginar que elas um dia pudessem imaginar. Como dizem por aí, se ela quiser descobrir uma coisa, ela vai e descobre dez. Não tem jeito, somos assim. E não é por mal… É algo tão inevitável quanto celulite na parte externa na coxa.
E não pense que é fácil! Temos que fazer um verdadeiro malabarismo para lembrar o que foi você que nos contou e o que nós descobrimos fuxicando, para não dar fora. É quase um jogo de xadrez mental.
Mas você deve se perguntar “Meu Deus, elas não têm mais o que fazer?”. Fique sossegado. Averiguamos tudo isso ao mesmo tempo em que pintávamos a unha, assistíamos nossa série preferida, destacávamos com marca texto os trechos principais do texto da pós, comíamos um iogurte grego e, claro, falávamos com você no whatsapp para poder te conhecer melhor. Tranquilo.
  
Inspirado blog Jade Seba, Beijos Fabiana ;3